VENDAS DE VEÍCULOS SEMINOVOS CAEM PELA METADE 

16 MAI 2018
16 de Maio de 2018

A Fenauto, federação que representa os revendedores multimarcas, informou que a venda de veículos seminovos, aqueles com até 3 anos de uso, caiu pela metade de janeiro a abril, na comparação com o mesmo período do ano passado. Essa foi a "faixa etária" mais  vendida entre os usados em 2016 e 2017, porém, neste ano, ela é a apenas a terceira, perdendo para os que têm de 4 a 8 anos ("usados jovens", na classificação da Fenauto) e os de 13 anos ou mais ("velhinhos"). O volume de seminovos vendidos passou de 1,7 milhão de unidades nos primeiros 4 meses de 2017 para 888,5 mil neste ano, uma queda de 49,6%. De acordo com especialistas, há duas explicações para a queda nas vendas dos veículos com até 3 anos de uso: parte dos clientes voltando a comprar carro zero; e outra parte preferindo comprar veículos mais velhos porque, com a grande procura, o preço dos seminovos subiu nos últimos anos. A venda de carros, caminhões e ônibus novos foi 21% maior de janeiro a abril deste ano do que no mesmo período do ano passado, somando 762,8 mil emplacamentos. Há que se ressaltar que a oferta de crédito para compra de veículos vem aumentando desde janeiro do ano passado, na comparação anual. Os financiamentos de veículos novos subiram 9,6% de janeiro a abril, frente a 2017; os de usados, que são maioria, ficaram estáveis.

                                                                    

 

Voltar