SEGUNDO IBGE PRODUÇÃO DE ELETROELETRÔNICOS CAIU 8,7% EM MAIO COM A PARALISAÇÃO DOS CAMINHONEIROS

09 JUL 2018
09 de Julho de 2018

A indústria de produtos e equipamentos eletroeletrônicos produziu 8,7% menos em maio na comparação com abril, conforme levantamento feito pela Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee) na base de dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No mesmo período, a produção de toda a indústria da transformação caiu 10,9%, ainda segundo o IBGE. Humberto Barbato, presidente da Abinee, disse que o resultado foi influenciado pela paralisação dos caminhoneiros no mês de maio. O desempenho negativo atingiu tanto a área eletrônica (-11%) quanto a área elétrica (-6,3%). A maior queda na área eletrônica foi dos aparelhos de áudio e vídeo, num recuo de 22%. Apenas a produção de equipamentos de comunicação registrou acréscimo, de 5,5%. No caso do segmento elétrico, destacou-se a retração de 16,3% na produção de eletrodomésticos. Somente apresentaram resultado positivo a produção de pilhas e baterias, de 4,7%, e de geradores, transformadores e motores elétricos, de 1,6%.

Ainda de acordo com o presidente da Abinee, o impacto também foi sentido no nível de emprego, uma vez que o setor fechou mil postos de trabalho em maio, ressaltando que os reflexos deverão ser sentidos também no desempenho de junho.

Voltar