PESCADO DA AGRICULTURA FAMILIAR FARÁ PARTE DA MERENDA ESCOLAR EM MACAÉ

07 AGO 2018
07 de Agosto de 2018
Em Macaé, até final deste mês, o pescado da agricultura familiar fará parte do cardápio da merenda escolar. O objetivo é priorizar a inclusão de alimentos frescos e saudáveis. Para a inserção, profissionais da Escola Municipal Professora Marli Vasconcelos Lemos (Novo Botafogo), nutricionistas da Secretaria de Educação e a secretária Leila Clemente, participaram, nesta segunda-feira (06/08), da análise sensorial do filé de pescada ao molho de tomate, que teve aprovação unânime. A boa aceitação dos alunos e profissionais se deve à qualidade do produto, que é fresco, não tem espinha, não apresenta odor forte e tem cor clara.
O pescado contará com a atuação de 14 aquicultores familiares. Com 444 alunos na faixa de 2 a 5 anos, a Escola Municipal Marli Vasconcelos Lemos foi a primeira a experimentar o pescado da agricultura familiar. De acordo com a diretora, Cláudia Márcia Tomaz, a valorização da alimentação saudável faz parte do projeto político pedagógico "Ações que mudam o mundo". Macaé prioriza a inclusão de alimentos frescos na merenda escolar e segue a determinação da Lei 11.947/2009, que prevê a aplicação de 30% dos recursos da merenda escolar, provenientes do Governo Federal, na compra de produtos da agricultura familiar.

Voltar