EM MARICÁ, COMPUTADORES DA PREFEITURA PASSAM A TER DESKTOPS VIRTUAIS E ECONOMIZAM ENERGIA E MANUTENÇÃO

11 OUT 2018
11 de Outubro de 2018

Maricá será um dos primeiros municípios do Brasil a utilizar computadores com o sistema VDI (Virtual Desktop Infrastructure), que mantém os arquivos antes armazenados em disco rígido na ‘nuvem’ da internet, sem a necessidade de uma máquina física para o usuário. O “desktop virtual”, como está sendo chamado, já funciona em setores do serviço público como o Sistema Integrado Municipal (SIM) e as secretarias de Educação, de Economia Solidária, e de Agricultura, Pecuária e Pesca, além do Posto de Saúde Central da cidade. De acordo com o coordenador de Tecnologia de Informação da Prefeitura, Vitor Silveira, a prioridade é fazer o sistema funcionar em todos os postos de saúde do município, para que cada paciente possa ter seu prontuário acessado por quem for atendê-lo na rede. Vítor Silveira esclarece que a implantação do sistema VDI só está sendo possível por causa da infovia com cabos de fibra ótica, que começou a ser instalada em maio. Parte dos 240 quilômetros de cabos da rede chegou até o Recanto de Itaipuaçu está prestes a ser ativado na altura de São José de Imbassaí, que estão na primeira fase do projeto. Na segunda fase, prevista para 2019, a rede segue pela região litorânea até Ponta Negra. A nova rede vai interligar 160 prédios públicos que incluem, além dos postos de saúde, escolas e os Centros de Referência em Assistência Social (CRAS).

Voltar